segunda-feira, 2 de maio de 2016

são saruê 16



são saruê 16

encarnação encarna o ódio nos olhos
tecendo os fios de lã
por tantas noites madrugadas
tece os fios das horas
até os fios da manhã

os ponteiros do relógio
giram na febre terçã
sem saber quantas ovelhas
já doeram tanta lã
enquanto a dona das horas
da tanta dor é irmã

Federika Lispector

Nenhum comentário:

Postar um comentário